ESCOLA SUPERIOR AGRÁRIA DE SANTARÉM

Organização

A ESAS integra os seguintes componentes, identificados pelos objetivos que prosseguem e pelas funções que desempenham:

  • Órgãos da Escola
  • Departamentos
  • Direção de serviços administrativos
  • Serviços gerais

São Órgãos da Escola:

A Assembleia da Escola é um órgão da ESAS, dirigida por um presidente, por um vice-presidente e por um secretário, nomeados pelo presidente, cabendo obrigatoriamente a vice-presidência a um professor.
Segundo os Estatutos da Escola Superior Agrária, elaborados em conformidade com o disposto na Lei n.º 62/07, de 10 de Setembro e com os estatutos do Instituto Politécnico de Santarém, aprovados pelo Despacho normativo n.º 56/08, de 23 de Outubro, publicado no Diário da República n.º 214, 2.ª série, de 4 de Novembro, com entrada em vigor a 5 de Novembro de 2008, compete à Assembleia da Escola:
a) Eleger e destituir o director, exigindo os actos de destituição a respectiva fundamentação e aprovação por dois terços dos membros efectivos da assembleia;
b) Fiscalizar genericamente os actos do director, com salvaguarda do exercício efectivo das competências próprias deste;
c) Elaborar e aprovar os calendários e os regulamentos de eleição da Assembleia da Escola, do director, do Conselho Técnico -Científico e do Conselho Pedagógico;
d) Apreciar e aprovar o plano de actividades e o relatório anual, e formular propostas sobre a orientação e desenvolvimento da Escola;
e) Propor e aprovar a revisão dos estatutos da Escola, ouvidos o Conselho Técnico -Científico e o Conselho Pedagógico;
f) Elaborar e aprovar um regulamento interno nos termos do estipulado no n.º 2 do artigo 17.º dos Estatutos da ESAS.
Compete ainda à Assembleia da Escola a reprovação do plano de actividades ou do relatório anual, referidos na alínea d) do n.º 1 do artigo 23.º dos Estatutos da ESAS, obrigando à apresentação de novos documentos no prazo máximo de 30 dias.
A Assembleia da Escola é composta por quinze elementos, elegendo o presidente de entre os representantes dos professores.
São membros da Assembleia da Escola:
a) Nove representantes dos corpos dos docentes e dos investigadores, a tempo integral, sendo a distribuição proporcional ao número de elementos de cada uma das categorias: professores ou equiparados a professores, assistentes ou equiparados a assistentes e investigadores;
b) Dois representantes do corpo dos estudantes;
c) Dois representantes do corpo do pessoal não docente;
d) Duas entidades externas da área técnica, científica e profissional da Escola.
Têm assento na Assembleia da Escola, sem direito a voto:
a) O Director;
b) O Presidente do Conselho Técnico -Científico;
c) O Presidente do Conselho Pedagógico;
d) O Presidente da Direcção da Associação de Estudantes.

Composição
Membros Efetivos
Corpo docente
Professores Coordenadores
Ana Maria Gomes de Sousa Neves
António José Faria Raimundo
Artur José Guerra Amaral
Manuel Mendes de Sousa Adaixo (Eleito Presidente da AE a 02-02-2022)
Maria Paula Marinho Pinto
Paulo Reis Branco Pardal

Professores Adjuntos
António Pedro Andrade Vicente
João André Evaristo de Matos Gago (nomeado Vice-Presidente a 06.04.2022)
Luís Teófilo Nunes Fortunato

Corpo funcionários não docentes
Técnicos Superiores
Isabel Maria Martins Nogueira (nomeada Secretária a 06.04.2022)
Ana Teresa Pereira Ferreira Jorge

Corpo estudantes
Fábio Constantino Neves Oliveira (Agronomia)
Ivan Ferreira Curado (Agronomia Pós-Laboral)

Membros com assento
Professora Coordenadora Marília Oliveira Inácio Henriques, Presidente do Conselho Técnico – Científico
Professor Coordenador António do Patrocínio Amaral Azevedo, Diretor
Professora Adjunta Ana Teresa da Cunha Machado Ribeiro, Presidente do Conselho Pedagógico
Bernardo Ferreira, Presidente da Associação de Estudantes

Membros cooptados:

Patrícia Carla Bonança Mattamouros Resende Fonseca de Oliveira (Engª.)
Rodrigo de Sousa Vinagre

Órgão: Assembleia de Escola
Local: Sala de reuniões I, edifício dos Órgãos
Dia: 02-02-2022
Hora: 11h
Empossante: Diretor da ESAS, Professor Coordenador António do Patrocínio Amaral de Azevedo

Ao diretor compete, nomeadamente, dirigir e coordenar as atividades e serviços e promover o desenvolvimento das atividades científicas e pedagógicas da ESAS.
O diretor é coadjuvado por um subdiretor por si proposto ao presidente do IPS, de entre professores de carreira e docentes equiparados a professores a tempo integral, afetos à Escola, como expresso nos Artigos 25º e 26º. desde 1 de Agosto de 2009.
O cargo de Secretário da ESAS, é ocupado após procedimento concursal. De acordo com o Artº 29º dos novos Estatutos tem como atribuições e competências as que lhe forem delegadas pelo Diretor.

Composição

Professor Coordenador António do Patrocínio Amaral Azevedo – Diretor
Professora Adjunta Maria Margarida da Costa Ferreira Correia de Oliveira – Sub-Diretora
Técnica Superior Isabel Maria Martins Nogueira – Secretário

Composição
O Conselho Técnico-Científico é constituído por vinte e dois elementos, sendo vinte eleitos pelo conjunto dos docentes da Escola e dois cooptados (Artigo 30º dos Estatutos da ESAS).
O mandato dos membros do Conselho Técnico-Científico é de quatro anos, podendo ser reeleitos ou de novo cooptados por uma ou mais vezes.
O mandato do presidente é de quatro anos, podendo ser renovado uma única vez.

Eleição de membros do Conselho Técnico-Científico
Os membros eleitos do CTC são eleitos nominalmente, de acordo com regulamento eleitoral aprovado pela Assembleia da Escola (artigo 31º dos Estatutos da ESAS)

Competências do Conselho Técnico-Científico
1 – O artigo 32 º dos Estatutos da ESAS estabelece as seguintes competências do CTC:
a) Elaborar o seu regulamento interno que será aprovado por maioria dos seus membros;
b) Apreciar o plano de actividades científicas da Escola;
c) Pronunciar-se sobre a criação, transformação ou extinção de unidades orgânicas do Instituto;
d) Deliberar sobre a proposta de distribuição do serviço docente, tendo em conta os critérios gerais definidos ao abrigo do disposto na alínea i) do artigo 33.º dos estatutos do Instituto;
e) Pronunciar-se sobre a criação de ciclos de estudos e aprovar os planos de estudos dos ciclos de estudos ministrados;
f) Propor os números máximos de matrículas anuais para os cursos e outras actividades de formação;
g) Pronunciar-se sobre o calendário escolar e o horário das tarefas lectivas de acordo com a alínea r) do n.º 1 do artigo 27.º dos presentes estatutos;
h) Pronunciar-se sobre o mapa do pessoal docente, de acordo com a alínea o) do n.º 1 do artigo 27.º dos presentes estatutos;
i) Aprovar os programas das unidades curriculares;
j) Decidir sobre a concessão de equivalências e reconhecimento de habilitações académicas ao nível de licenciado, mestrado e de cursos de especialização tecnológica.
k) Propor ou pronunciar-se sobre a concessão de títulos ou distinções honoríficas;
l) Propor ou pronunciar-se sobre a instituição de prémios escolares;
m) Propor ou pronunciar-se sobre a realização de acordos e de parcerias nacionais e internacionais;
n) Propor a composição dos júris de provas e de concursos académicos;
o) Praticar os outros actos previstos na lei relativos à carreira docente e de investigação e ao recrutamento de pessoal docente e de investigação;
p) Pronunciar-se sobre todas as questões que lhe sejam submetidas pelo director, por sua iniciativa, ou por iniciativa dos órgãos competentes do Instituto;
q) Eleger o presidente, o vice-presidente e o secretário do órgão;
r) Eleger os coordenadores de curso.
2 – Os membros do CTC não podem pronunciar-se sobre assuntos referentes:
a) A actos relacionados com a carreira de docentes com categoria superior à sua;
b) A concursos ou provas em relação aos quais reúnam as condições para serem opositores.

Composição (tomada de posse a 26.01.2022)

Membros eleitos:
Professores Coordenadores
Ana Maria Gomes de Sousa Neves
António José Faria Raimundo
António do Patrocínio Amaral Azevedo
Artur José Guerra Amaral
Manuel Mendes de Sousa Adaixo
Maria Paula Sousa Marinho Pinto
Marília Oliveira Inácio Henriques (Presidente)
Paula Lúcia da Mata Silvério Ruivo
Paulo Reis Branco Pardal (Vice-Presidente)

Professores Adjuntos
Albertina Maria Gomes Ferreira
Anabela Dias Ramalho Vale Leitão Grifo
Ana Mafalda Dúlio Ferreira (Secretária)
Ana Teresa da Cunha Machado Ribeiro
António Pedro Andrade Vicente
Helena Maria Cordeira Sousa Mira
Igor Alexandre da Silva Dias
João André Evaristo Matos Gago
Luís Teófilo Nunes Fortunato
Maria Margarida Costa F. Correia Oliveira
Rosa Maria Gomes Marques Santos Coelho

Membros por inerência:

Membros cooptados:

Os artigos 35º e seguintes dos novos Estatutos da ESAS, abordam a composição, a forma de eleição, as competências e o funcionamento do Conselho Pedagógico.
Este Conselho elege um Presidente, um Vice-Presidente e um Secretário e pode funcionar em plenário ou em comissão restrita.
O Provedor do estudante poderá ser convidado para as reuniões.
O Conselho Pedagógico elege o seu presidente de entre os professores de carreira do Conselho.
Horário e local de atendimento
Local: Gabinete do Conselho Pedagógico, Edifício dos Órgãos
quartas-feiras das 17:30h às 19:00h
quintas-feiras das 14:30h às 16:30h

NOTAS
1: Se houver necessidade o docente poderá atender os estudantes em horário diferente do indicado, mas desde que devidamente acordado entre os estudantes e o docente (enviar e-mail para ana.ribeiro@esa.ipsantarem.pt).
2: Os estudantes deverão enviar sempre, previamente, um e-mail ao docente a agendar o atendimento, por forma a evitar ajuntamentos de pessoas ou dificuldades no processo de atendimento a todos os estudantes.
3: Este horário de atendimento poderá sofrer alterações em situações pontuais.

Composição quadriénio 2022|2026

29.11.2021 – Eleição dos estudantes das licenciaturas em Agronomia, Qualidade Alimentar e Nutrição Humana, Zootecnia e Tecnologia Agroindustrial e Mestrado em Engenharia Agronómica
20.01.2022 – Eleição de docentes, estudantes de CTeSPe Mestrado em Tecnologia Alimentar

Composição
Mesa
Presidente – Professora Adjunta Ana Teresa da Cunha Machado Ribeiro
Vice-Presidente – Professora Adjunta Verónica Maria da Piedade Duarte Ribeiro
Secretário – Professor Adjunto Igor Alexandre da Silva Dias

Docentes eleitos
Mestrado em Engenharia Agronómica
Professora Adjunta Albertina Maria Gomes Ferreira
Mestrado em Tecnologia Alimentar
Professora Adjunta Maria Gabriela Oliveira Lima Basto de Lima
Licenciatura em Agronomia | Agronomia PL
Professora Adjunta Rosa Maria Santos Coelho
Licenciatura em Qualidade Alimentar e Nutrição Humana
Professora Adjunta Ana Teresa da Cunha Machado Ribeiro
Licenciatura em Tecnologia e Gestão Agroindustrial
Professor Adjunto Igor Alexandre da Silva Dias
Licenciatura em Zootecnia
Professora Adjunta Verónica Maria da Piedade Duarte Ribeiro
Cursos Técnicos Superiores Profissionais
Professora Adjunta Ana Mafalda Dúlio Pacheco Ferreira
Professor Adjunto João André Evaristo de Matos Gago

Docente por inerência
Mestrado em Engenharia Agronómica
Professor Coordenador Manuel Mendes de Sousa Adaixo
Mestrado em Tecnologia Alimentar
Professora Coordenadora Paula Lúcia da Mata Silvério Ruivo
Licenciatura em Agronomia | Agronomia PL
Professor Coordenador Artur José Guerra Amaral
Licenciatura em Qualidade Alimentar e Nutrição Humana
Professor Coordenador António José Faria Raimundo
Licenciatura em Tecnologia e Gestão Agroindustrial
Professora Adjunta Maria Adelaide Mota Oliveira
Licenciatura em Zootecnia
Professor Coordenador Paulo Reis Branco Pardal

Estudantes
Mestrado em Engenharia Agronómica
Sara Catarina da Silva Francisco
Tomás António Duque Pereira da Silva
Mestrado em Tecnologia Alimentar
Mónica Patrícia Pinho Sobreiro
Naír Carrazedo da Cunha
Licenciatura em Agronomia | Agronomia PL
Joana Maria dos Santos Constantino
André Filipe Cunha Pinto
Licenciatura em Qualidade Alimentar e Nutrição Humana
André de Jesus Figueira da Silva
Ana Sofia Carloto Gomes
Licenciatura em Tecnologia e Gestão Agroindustrial
Vanessa Filipa Chagas Roque
Duarte Manuel Almeida Fartouce
Licenciatura em Zootecnia
Francisca Conde Eustáquio Mendes
Ivan Rodrigo Mendes da Silva
Cursos Técnico Superior Profissional
Sara Margarida de Castro Fins Pereira – TeSP Cuidados Veterinários
Pedro Daniel Faria dos Reis – TeSP Viticultura e Enologia

Os departamentos, a direção de serviços administrativos e os serviços gerais são coordenados pelo diretor da Escola, dos quais dependem.

Conforme o disposto na alínea j) do nº 1 do artº 27º, dos estatutos da Escola Superior Agrária de Santarém e em conformidade com o estabelecido no nº3 do artigo 39 dos mesmos estatutos, foram criados pela Ordem de Serviço nº6/2010 e em substituição dos Sectores da ESAS, dois Departamentos, cujas designações e áreas científicas são as que a seguir se discriminam.

Sigla: DCAA

Presidente: Ana Cláudia Gaboleiro Charana

Vice Presidente: Verónica Maria da Piedade Duarte Ribeiro

Objetivos

O Departamento de Ciências Agrárias e do Ambiente (DCAA) foi criado formalmente em julho de 2010, após a aprovação dos novos Estatutos da Escola Superior Agrária de Santarém (ESAS). Resultou da agregação dos antigos Sectores de Agricultura, Engenharia Rural e Ordenamento, Geociências, Horticultura, Informática, Matemática e Produção Animal.
Assim, inicialmente este departamento foi concebido a partir da necessidade de ajustar a anterior estrutura a uma nova realidade organizacional, no entanto procurou-se que, de forma clara, se pudesse responder aos novos desafios que se colocam ao ensino agrícola na região e no país nomeadamente, atendendo à transversalidade das questões ambientais em todos os setores do tecido produtivo, em particular o agrícola, e na sociedade em geral.
O DCAA é uma unidade funcional da ESAS à qual estão afetos funcionários docentes e não docentes, laboratórios e serviços de apoio relacionados com as áreas de ensino que abrangem as áreas das engenharias em ciências agrárias e do ambiente.
O DCAA é responsável pelos cursos de licenciatura em Engenharia Agronómica, Engenharia da Produção Animal e Engenharia do Ambiente, e ainda pelo Mestrado em Agricultura Sustentável e pelos Cursos de Especialização Tecnológica em Cuidados Veterinários, Maneio e Utilização do Cavalo e Tecnologias de Produção Industrial em Horticultura. Colabora ainda em diversas unidades curriculares/unidades de formação dos planos curriculares de outros cursos lecionados na ESAS.
Uma das características marcante do Departamento Ciências Agrárias e do Ambiente é o quadro permanente de docentes, com professores altamente experientes e qualificados, a grande maioria em tempo integral e ativamente empenhados na melhoria permanente de um ensino de excelência inserido na realidade regional e nacional. Assim, a excelência da formação que ministramos é para nós um fator estratégico e impõe-nos uma preocupação constante com a qualidade, obrigando a uma forte integração entre as áreas de conhecimento num esforço concertado para atingir os objetivos propostos.
É nosso objetivo, contribuir para o desenvolvimento da sociedade, promovendo um ensino superior de excelência nas áreas das ciências Agrárias e do Ambiente, capaz de preparar os estudantes para intervir de forma competente e distintiva no mercado de trabalho.
O DCAA tem por missão, formar técnicos superiores qualificados para exercer a sua profissão com elevado nível de qualidade científica, técnica sem esquecer os aspetos da ética e de relações humanas e com elevada capacidade de adaptação às constantes mudanças tecnológicas.
Contribuir para a criação e divulgação de conhecimento técnico e cientifico nas áreas das Ciências Agrárias e do Ambiente e a prestação de serviços especializados à comunidade nestas áreas, tendo em vista a promoção do desenvolvimento sustentável, nomeadamente nos aspetos da articulação equilibrada do sistema ambiental com os sistemas social, económico e territorial.
O DCAA tem ainda como prioridade promover a atualização e o aperfeiçoamento contínuo do corpo docente, e dos seus funcionários não docentes.

Áreas Científicas

Ciências Matemáticas
Engenharia Ordenamento e Ambiente
Geociências
Produção Agrícola
Produção Animal e Ciências Veterinárias
Tecnologias da Informação

Escola de Equitação Henrique Soares Cruz

Unidade Laboratorial de Ciências Agrárias e Ambiente

recursos humanos:

Professores Coordenadores

António do Patrocínio Amaral de Azevedo
Artur José Guerra Amaral
José Mira de Villas-Boas Potes
Manuel Mendes de Sousa Adaixo
Paulo Reis Branco Pardal

Professores Adjuntos

Albertina Maria Gomes Ferreira
Ana Cláudia Gaboleiro Charana
Ana Mafalda Dúlio Ribeiro Pacheco Ferreira
Ana Maria Ambrósio Paulo
Ana Paula Tomás da Silva Pereira
Anabela Dias Ramalho Vale Leitão Grifo
António Manuel de Abreu Palminha
António Pedro Andrade Vicente
Helena Isabel Canejo Lalanda Ribeiro
José António Batista Grego
Luís Teófilo Nunes Fortunato
Maria do Céu Costa Godinho
Maria Elisabete Caixeiro da Palma
Nuno Paulo de Noronha Wagner Geraldes Barba
Rosa Maria Gomes Marques Santos Coelho
Sofia Varela Van Harten
Verónica Maria da Piedade Duarte Ribeiro

Professores convidados

Ana Luísa Pinto Carvalho da Silva (CTeSP em RUNA)
Ana Raquel Seia Mineiro (CTeSP em RUNA)
Ana Rita das Neves Ferreira (CTeSP em RUNA)
Andreia Filipa das Neves Ferreira (CTeSP em RUNA)
Ângela Oliveira Prazeres
António Fernandes Carapinha
António Fernando Ruivo Ribeiro
Cristina Maria Gouveia Abreu (CTeSP em RUNA)
Elsa de Jesus Centeio Valério
João da Silva Fonseca Correia Lino (CTeSP Arruda dos Vinhos)
Luís Carlos Jordão de Sousa Lopes (CTeSP em RUNA)
Luísa Maria Cabrita dos Santos Roque de Carvalho (CTeSP em RUNA)
Mário Manuel Ferreira Reis
Nuno Fernando do Sacramento Monteiro Ferreira Matos
Nuno Pedro Ferreira Carvalho Monteiro
Pedro Maria da Fonseca Tavares Barata Batista
Rita Maria de Almeida Neres
Rui Manuel Serrão Salvador
Samuel Pedroso Guerreiro
Susana Medina Martins Carreira da Cunha Constantino
Tiago André Fialho Coelho dos Reis

Técnicos Superiores

Nuno Alexandre Reis Marques

Assistentes Técnicos

José Manuel Abrantes Barreto Gomes Saragoça
Nuno Alexandre Reis Marques
Rute Sandra Monteiro Sales Costa

Assistente Operacional

Maria Madalena Dias Brás Pereira Mascarenhas

Sigla: DTABN

Presidente: Helena Maria Cordeiro de Sousa Mira

Vice Presidente: João André Evaristo de Matos Gago

Objectivos

  1. Promover a formação, o avanço e transferência do conhecimento na área da tecnologia, segurança e qualidade alimentar, desde o controlo das matérias primas ao processamento tecnológico, ao valor nutritivo dos alimentos e seus efeitos na saúde.
  2. Preparar licenciados e mestres de forma a que estes possam contribuir de forma significativa nas suas profissões e na sociedade, nomeadamente, na produção de alimentos seguros e de qualidade; na transferência do conhecimento académico para a indústria e a sociedade; na inovação tecnológica e produção de novos alimentos; na promoção da saúde através da alimentação.
  3. Promover o desenvolvimento experimental e a investigação e a integração de estudantes nos projectos em curso no Departamento.
  4. Promover a interligação com a sociedade através de consultoria, análises, workshops e cursos de formação profissional.

O Departamento inclui quatro áreas científicas e uma unidade laboratorial:
Áreas Científicas
Ciência e Tecnologia Alimentar
Ciências Biológicas
Ciências Químicas e Físicas
Gestão e Marketing e Economia e Desenvolvimento

Unidade Laboratorial de Tecnologia Alimentar, Biotecnologia e Nutrição

recursos humanos:

Professores Coordenadores

Ana Maria Gomes de Sousa Neves
António José Faria Raimundo
Maria Paula de Sousa Ferreira da Silva Marinho Pinto
Marília Oliveira Inácio Henriques
Paula Lúcia da Mata Silvério Ruivo

Professores Adjuntos

Ana Maria Ferreira de Carvalho Pinto
Ana Teresa da Cunha Machado Ribeiro
Cristina Maria Carruço Laranjeira
Helena Maria Cordeiro de Sousa Mira
Igor Alexandre da Silva Dias
João André Evaristo de Matos Gago
José Manuel Oliveira Carvalho
Luís Filipe Fonseca Ferreira
Maria Adelaide Mota de Oliveira
Maria de Fátima Brioso Quedas
Maria Fernanda da Silva Pires Fernandes Ribeiro
Maria Gabriela de Oliveira Lima Basto de Lima
Maria José Cambalacho Rosa Mendes Diogo
Maria Margarida da Costa Ferreira Correia de Oliveira

Professores convidados

Ana Isabel Bexiga Almeirante (CTeSP em Arruda dos Vinhos)
André Jorge Oleiro Duarte
Ângelo Mendes Pinto de Figueiredo
Artur Figueiredo Saraiva
Carlos Pedro Oliveira Santos Trindade
Dalila Carmo Miranda Jesus (CTeSP em RUNA)
Filipa Sofia Simas Martinho (CTeSP em Arruda dos Vinhos)
João Manuel Rodrigues de Oliveira
Maria Alexandra Vicente (CTeSP em Arruda dos Vinhos)
Maria Teresa Santos Filipe (CTeSP em RUNA)
Marta Isabel Gigante Barradas (CTeSP em Arruda dos Vinhos)
Raquel Alexandra Cardoso Costa Saraiva
Rui Miguel Frazão Jorge
Rute Vítor
Sara Lobo Dias
Sofia Carneiro Alves
Tânia Sofia Paiva da Silva César (CTeSP em RUNA)
Vanda Andrade

Técnicos Superiores

Isabel Maria Montez Torgal Santos
Maria da Conceição Telhada Tovar Faro

Assistentes Técnicos

Ana Maria Duarte Reis Figueiras
Anabela Dias Oliveira Matos
Maria Luzia Ascenção Diogo Marques
Maria Sofia Bernardino Soares Albergaria

Direção de Serviços Administrativos

Os serviços administrativos são organizações permanentes, vocacionadas para o apoio técnico ou administrativo às atividades da Escola.

Os serviços administrativos encontram-se integrados numa direção de serviços, na dependência funcional do secretário da Escola.
São eles:

Responsável: Ana Isabel Abrantes Coutinho Lopes Baptista

Horário:

09:00-11:30

14:00-16:30

email: academicos@esa.ipsantarem.pt

Nos Serviços Académicos os candidatos e estudantes podem solicitar informações relacionadas com condições de acesso, ingresso e frequência dos cursos ministrados na Escola, realizar matrículas e inscrições, solicitar os pedidos de creditação de unidades curriculares realizadas noutros cursos, candidatar-se a unidades curriculares isoladas, regime de tempo parcial, aos regimes de reingresso e de mudança de par instituição/curso, aos concursos especiais, à mudança de regime de frequência e às provas para maiores de 23 anos e requerer os estatutos especiais. Compete ainda aos Serviços Académicos proceder à emissão de certificados, diplomas, suplementos ao diploma e cartas de curso.

Portal Académico…

Responsável: Isabel Maria Martins Nogueira

Horários:

Funcionamento dos Serviços:

09:00-12:30

14:00-17:30

Atendimento ao público

Contabilidade:

09:00-12:00

14:00-17:00

Tesouraria:

09:00-12:00
14:00-16:45
email: leonel.santos@esa.ipsantarem.pt

O Serviço de Tesouraria é responsável pelos pagamentos e recebimentos do Instituto e suas respectivas prestações de contas.
O Serviço de Tesouraria tem a seu cargo as seguintes tarefas:
a) Contar, registar e depositar as receitas arrecadadas pelos Serviços;
b) Registo dos pagamentos autorizados e comunicação dos mesmos aos respectivos beneficiários;
c) Devolução, diariamente, ao Serviço de Contabilidade da documentação respeitante aos pagamentos efectuados ou receitas cobradas;
d) Controlo dos fundos de maneio e processamento de adiantamentos autorizados e controlo dos mesmos;
e) Registo actualizado da escrita da Tesouraria;
f) Organização e arquivo da informação própria do serviço.

Os cheques para pagamentos deverão ser passados à ordem de ESAS/IGCP

Responsável: Isabel Maria Martins Nogueira

Horário:

09:00-12:30

14:00-17:30

email: info@esa.ipsantarem.pt

Os Recursos Humanos e Expediente, devem assegurar os cálculos dos vencimentos e de outros abonos, bem como a classificação e reembolso das despesas de saúde apresentadas por todos os funcionários. Devem ainda organizar e movimentar os processos relativos ao recrutamento, selecção e provimento, bem como à promoção, progressão, prorrogação, mobilidade, exoneração, rescisão de contratos, demissão e aposentação do pessoal. O Expediente deve ter como objectivo a maior racionalização e eficácia em todo o processo da gestão documental, competindo-lhe assegurar, entre outras tarefas, o registo e encaminhamento da correspondência, organizar, assegurar e manter actualizado o arquivo relativo ao expediente.

Serviços Gerais

Os serviços gerais são serviços de apoio técnico e logístico que exercem a sua atividade nos domínios da prestação de serviços auxiliares, da manutenção das instalações e do apoio à estrutura funcional da Escola.
São eles:

Responsável: Ana Teresa Pereira Ferreira Jorge

Horário da Biblioteca: De acordo com o Despacho nº 6/2021 de 16 de Abril de 2021, do Diretor da ESAS, o horário de atendimento presencial do Serviço de Documentação é o seguinte:
09:00-12:30
14:00-17:30

email: biblioteca@esa.ipsantarem.pt

Unidades:

  • Audiovisuais
  • Biblioteca
    • Missão da Unidade Biblioteca/Serviço de documentação:
      Adquirir, tratar, tornar acessíveis e difundir os recursos informativos de acordo com a oferta formativa da ESAS.
      Conservar e preservar as diferentes coleções bibliográficas à sua guarda, contribuir para desenvolver a aprendizagem, a investigação, a formação contínua e o desenvolvimento cultural da comunidade académica. 
    • Fundo documental:
      Constituído por bibliografia nacional e estrangeira, principalmente nas áreas de Agricultura, Silvicultura, Economia e Desenvolvimento Rural, Produção e Sanidade Vegetal, Produção e Sanidade Animal, Recursos Naturais e Ambiente, Tecnologia e Qualidade Alimentar e Nutrição Humana.
  • Documentação e Informação
  • Reprografia

Responsável: António do Patrocínio Amaral Azevedo

Compete à exploração agropecuária:

  • Prestar apoio às atividades da Escola através do enquadramento das atividades de ensino, investigação e desenvolvimento experimenta
  • Coordenar e enquadrar as atividades geradoras de receitas

São recursos da Exploração Agropecuária:

Exploração Agrícola e Florestal
Responsável: Ricardo Nuno P. Prestes

Exlopração Agro-Pecuária
Responsável: António Joaquim Cruz Roque

A ESAS dispõe de uma série de Unidades Pecuárias que servem de apoio ao ensino, às linhas de trabalho que desenvolve, e à comunidade, nomeadamente o núcleo de equinos e a sua Escola de Equitação.
Estas pequenas estruturas servem de modelo de unidades produtivas, permitindo um ensino de cariz essencialmente prático e uma transmissão de conhecimentos baseada no desenvolvimento de competências.

São elas:

Núcleo de Bovinos de Leite | Núcleo de Equinos | Núcleo de Monogástricos | Núcleo de Pequenos Ruminantes | Laboratório de Inseminação Artificial | Sala de Enfermagem

A Logística inclui a manutenção, transportes, espaços verdes, instalações e equipamentos.
À Logística compete:

  • a conservação, a reparação e a manutenção de instalações e equipamentos, espaços verdes e outros bens
  • a organização de atividades de segurança, higiene e saúde no trabalho
  • o apoio a atividades inerentes ao funcionamento da Escola

 

São Unidades da Logística:

Gabinete de Audio Visuais

Obras

Oficinas e Manutenção

Transportes